Meu adeus à Marceline Loridan-Ivens

Marceline Loridan-Ivens, cineasta, produtora e escritora, faleceu anteontem, dia 18, em Paris. Nascida em 1928, ela passou a vida a denunciar a injustiça e a violência, marcada para sempre pela sua deportação, com 15 anos, ao campo de Auschwitz-Birkenau, depois a Bergen-Belsen e a Theresienstadt, de onde foi liberada em 1945. Amiga íntima e inseparável da estadista [...]

Sartre e Beauvoir ‘calavam-se e continuavam’

Jean-Paul Sartre e Simone de Beauvoir jamais escreveram alguma coisa contra Franco, Hitler ou Mussolini. Calavam-se e continuavam. Como disse um famoso filósofo e musicólogo francês, 'foi só depois da Guerra que os dois começaram a se engajar. Isso, para fazer esquecer o próprio esquecimento.' Foto: Jean-Paul Charles Aymard Sartre e Simone Lucie Ernestine Marie Bertrand [...]

Céline, Tarsila e o racismo

"Pessoalmente estou pouco ligando para o talento e os fãs do senhor Louis-Ferdinand Céline. Penso que o melhor que possa acontecer à sua memória é ele ser esquecido!" (Pedro Paulo, universitário brasileiro imaginário, residente em Paris). "Há algo de muito forte e constrangedor naquele peito caído da 'Negra' de Tarsila do Amaral, pintora da elite [...]

‘Mãe tóxica’, o assunto que ainda é tabu

Todos os pais têm defeitos. Uns mais, outros menos. Porém, quando as imperfeições tornam-se destrutivas, podemos defini-las como "tóxicas" mesmo que assumam formas diferentes. Em alguns, a toxicidade é óbvia, em outros é tão sutil que seus familiares quase não percebem. O fato é que todos vivem sob suas próprias regras, sem se colocar de fato [...]

Meu encontro com Umberto Eco

No elevador do prédio onde também morava o especialista em arte russa, Eco olhava o meu embrulho, creio que tentando adivinhar o que ele continha. Eu olhava o seu pacote de livros, também me esforçando em desvendar o nome da livraria. Foi nos anos 1990¹, no elevador do prédio onde ele morava ocasionalmente, cujas janelas de frente [...]

E de repente aparece… Marcel Proust!

Foi encontrado um filme inédito de 1904, conservado nos arquivos do Centro Nacional da Cinematografia em Paris, onde aparecem rápidas (e prováveis) imagens de Marcel Proust.  O vídeo, transformado por mim, está em "câmara lenta" na parte em que o escritor desce as escadas da Igreja no cortejo nupcial do casamento de Elaine Greffulhe, filha da [...]